The Lisbon Studio define-se como um coletivo de autores de BD, profissionais da animação, ilustradores, argumentistas e realizadores que partilham um atelier em Lisboa.

Em junho deste ano, iniciaram uma publicação digital do estúdio com periodicidade bimestral. Chegados a agosto, eis o 2.º número gratuito, com direito a 128 páginas. Este fascículo termina as bandas desenhadas de Joana Afonso (com argumento de Tércio de Vina) e Ricardo Cabral, iniciadas no número anterior. Pepedelrey inicia uma nova BD e o ex-TLS Ricardo Venâncio apresenta uma BD completa – ou talvez a mais incompleta de todas…

A restante revista apresenta outros trabalhos – com especial destaque para a ilustração – de autores como Jorge Coelho, Filipe Andrade e Pedro Brito, entre outros.

Para ler o TLS WebMag #2, clique aqui.

Caso ainda não tenha lido o n.º 1 com 134 páginas, respetivo a junho/julho, clique na sua capa: