Recentemente, referi-me a uma obra da Libri Impressi que apenas foi editada em castelhano, Cisco Kid. Os leitores certamente se aperceberam que, mesmo para quem nunca estudou a língua, a mesma não é um entrave para a compreensão total das aventuras e desventuras do western desenhado pelo mestre Salinas.

O que talvez nem todos saibam é que uma editora uruguaia, a La Imprenta, tem editado livros do Príncipe Valente de Hal Foster, restaurados pelo português Manuel Caldas. Ao todo já foram publicados dois livros, estando o terceiro previsto para novembro.

As boas notícias para os bedéfilos portugueses que interromperam a sua coleção após o lançamento do 6.º volume da série, é a de que os volumes uruguaios a que me referirei correspondem ao que seria o volume 7 e seguintes.

O primeiro intitula-se La Reina y el Escudero e abarca o biénio 1949-1950 (clique-se nas imagens para visualizá-las com maior tamanho):

Nestas imagens do volume publicado em setembro de 2011 está patente o laborioso trabalho de restauração de Caldas.

O volume seguinte foi lançado em março deste ano e intitula-se Los Hijos de Odín, onde estão reunidas as pranchas do biénio 1951-1952. Registe-se que a  prancha 828, datada de 21 de dezembro de 1952, com a visão de Valhalla, a que me referi quando abordei a obra El rescate emocional de un clásico: ‘Prince Valliant’, la obra cumbre de Hal Foster de Eduardo Martínez-Pinna, se encontra colorida, de modo a ser possível apreciar na totalidade a terceira vinheta e o seu jogo de cores. Clique nas imagens para as visualizar com maiores dimensões (apesar dos textos destes previews se encontrarem em inglês, na obra encontram-se em espanhol).

Pode realizar as encomendas no site da editora uruguaia, aqui. A continuação das boas notícias é que os volumes são impressos em Portugal, pelo que o valor dos portes não afugentará os bedéfilos nacionais.