A MMMNNNRRRG inicia a sua rentrée com a obra de Olivier Schrauwen (autor elogiado por personalidades como Art Spiegelman), através de uma banda desenhada muda mui livremente baseada no personagem d’ O Livro da Selva de Rudyard Kipling.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão e com dimensões mais generosas:

Eis a sinopse da editora:
Pegando no Livro da Selva de Rudyard Kipling, quer dizer, apenas no cenário e o nome da personagem, Olivier Schrauwen apresenta-nos uma tragicomédia entre o encontro de um símio e um menino selvagem, numa Banda Desenhada que não usa palavras e que emprega estéticas gráficas com cheiros do passado sem que isso afecte o seu real valor contemporâneo que faz dele, segundo muitos especialistas como é um dos cinco autores de banda desenhada de vanguarda mais importantes no panorama mundial actual… O autor flamengo emprega espelhos deformados para reflectir sobre o papel do Homem no Mundo e a fina fronteira que separa o homem do animal. Este livro é um “remake” com um novo tratamento das cores, aumento de páginas e de formato, de um livro saído em 2011 que fez parte dos seleccionados dos Prémios do Festival de BD de Angoulême.

56 páginas a 2 cores, 25x30cm
ISBN: 978-989-97304-7-2

nota: as imagens foram gentilmente cedidas pela editora, as quais se agradecem.