ErzsebetComo os ouvintes da 28.ª emissão do Bandas já sabem, na 29.ª emissão, a ser transmitida no dia 18 de outubro, Nunsky apresentará na rádio o seu mais recente trabalho, denominado Erzsébet e editado pela Chili Com Carne.

Entretanto, cliquem nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão e com dimensões mais generosas:

Eis a sinopse da editora:
Erzsébet Bathory, a infame condessa húngara contemporânea de Shakespeare, ao contrário deste, incarnou como poucos o lado negro e animalesco do ser humano. São-lhe atribuídos centenas de crimes inomináveis que lhe grangearam alcunhas como “Tigreza de Csejthe” ou “Condessa sanguinária” e que a colocam no mesmo lendário patamar de bestas humanas como Gilles De Rais ou Vlad, o Impalador. Por detrás do seu rosto pálido, de olhar impassível e melancólico ocultava-se o próprio demónio, Ördög.

Pode ser visualizada uma extensa antevisão aqui.

nota: as imagens foram gentilmente cedidas pela editora.