O oitavo volume da coleção Poderosos Heróis Marvel é mais uma vez dedicado a um personagem que, não fosse o Universo Marvel Cinematográfico, provavelmente continuaria sem ter direito a um livro em nome próprio no nosso país, o Homem-Formiga. Curiosamente, tal como já tinha sucedido parcialmente com o volume dedicado à Viúva Negra, o personagem protagonista no filme, neste caso Scott Lang, o segundo Homem-Formiga, nem sempre (neste caso, raramente) é o protagonista das histórias de BD selecionadas, não constando sequer da capa do mesmo. Na verdade, na capa estão representados os primeiro e quarto (na divulgação da editora, referem-no como o terceiro) Homens-Formiga, evocando a minissérie de 2011 que dá título ao volume: Um Mundo Pequeno.

Para além dessa minissérie, os leitores poderão ler a BD com a origem do primeiro Homem-Formiga (Hank Pym) e a BD com a origem do segundo, na qual os leitores familiarizados apenas com o recente filme poderão rever Scott Lang. A BD em duas partes com a origem de Scott Lang já tinham sido distribuída nas bancas portuguesas em 1985, incluídas na revista O Incrível Hulk #18 da editora Abril. Todas as demais nunca tinham chegado a Portugal em língua portuguesa, uma vez que a publicação brasileira com a recente minissérie não foi exportada para o nosso país, tendo sido publicada em julho deste ano e constando da mesma todas as histórias deste volume e uma outra que não consta do volume português: Tales To Astonish #44, com a primeira aparição de Janet van Dyne, a vespa original, ao lado de Henry Pym.

O único personagem que vestiu o fato do Homem-Formiga e que não consta desta antologia é Chris McCarty, que surgiu pela primeira vez em Irredeemable Ant-Man (2006), o título com a origem do quarto Homem-Formiga. A sua fugaz aparição no Universo Marvel teve apenas como propósito narrativo o surgimento do quarto Homem-Formiga.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:
HOMEM-FORMIGA – UM MUNDO PEQUENO
Stan Lee, Larry Lieber, David Michelinie e Tim Seeley (argumentos) e Jack Kirby, John Byrne e Tim Seeley (arte)
Um dos mais únicos heróis da Marvel tem aqui as suas origens e as suas mais emblemáticas aventuras recontadas para o público português. Génio ímpar, super-herói atormentado e ocasional vilão, Hank Pym pode não ser o personagem mais poderoso nem o mais famoso, mas poucos deixaram a sua marca no Universo Marvel como ele. Só que, antes de influenciar alguns dos mais marcantes eventos deste Universo, já o Homem-Formiga se metia em todo o tipo de apuros excêntricos e originais…
Este volume da colecção Poderosos Heróis Marvel assinala a estreia em Portugal do mais recente herói da Marvel a chegar ao cinema: o Homem-Formiga. Uma estreia que se dá num volume antológico que recolhe as aventuras de estreia dos diferentes homens que vestiram o fato do Homem-Formiga: Henry Pym, Scott Lang e Eric O’Grady.
Criado por Stan Lee, Larry Lieber e Jack Kirby em 1962, na revista Tales to Astonish #27, Henry “Hank” Pym, o Homem-Formiga original, era um cientista que descobriu uma formula que lhe permitia reduzir a sua massa e altura a dimensões microscópicas. O sucesso junto dos leitores levou Stan Lee a promover o regresso de Henry “Hank” Pym na mesma revista Tales to Astonish, no #35, com Hank Pym a ter de usar a sua invenção para deter um grupo de espiões. São essas duas primeiras aventuras, assinadas por Lee e Kirby, que abrem o volume dedicado ao Homem-Formiga.
Mas a carreira de Hank Pym como Homem-Formiga foi relativamente curta, acabando por ceder o seu uniforme a Scott Lang – um homem que roubou o fato de Homem-Formiga para poder salvar a vida da sua filha, mas que acabaria por assumir o papel de Homem-Formiga, com a bênção de Hank Pym. É precisamente Scott Lang, o segundo Homem-Formiga, criado por David Micheliene e John Byrne em 1979, na história que podemos ler neste volume, que é o protagonista do mais recente filme da Marvel, acabado de chegar às salas de cinema.
Finalmente, este oitavo volume da colecção Poderosos Heróis Marvel, traz ainda uma aventura do terceiro Homem-Formiga, Eric O’Grady. Protagonista de uma história em três partes, escrita e desenhada por Tim Seeley em 2011, em que o novo Homem-Formiga tem de combater o crime ao lado de Hank Pym, o Homem-Formiga original, que assume aqui a sua identidade secreta de Vespa, em memória de Janet Pym, a sua falecida mulher, a Vespa original.
Os Homens-Formiga tiveram cada um deles de dar resposta a inúmeros desafios ao longo das suas histórias individuais, de que podemos ver exemplos neste volume, mas todos chegaram exactamente à mesma conclusão: que os homens não se medem aos palmos!

Homem-Formiga: Um Mundo Pequeno
152 páginas a cores, formato comic, capa dura.
Reúne Tales to Astonish #27 e #35, Marvel Premiere #47-48 (1972), Ant-Man & Wasp #1-3 (2011, Small World).