Foram divulgadas as presenças internacionais confirmadas no Amadora BD 2015. Alguns destes autores estarão, conjuntamente com autores portugueses, em sessões de autógrafos que decorrerão nos fins-de-semana do Festival.

20 a 25 de outubro
– Mathieu Sapin (França) O autor de “Le Château” vem à Amadora, no âmbito de um álbum policial que irá publicar, cuja ação se passa nesta cidade.

21 a 27 de outubro
– Lawrence Klein (EUA), fundador do MoCCa – Museum of Comic and Cartoon Art (Nova Iorque) vem ao Amadora BD por ocasião da exposição Lisbon Calling, no Ponto das Artes – Lx Factory – para a qual desafiou diversos autores portugueses a criarem universos hídridos onde se fundem as culturas portuguesa e americana.

24 e 25 de outubro
– Yannis Ioaunnou (Grécia). Amadora Cartoon/OXI e o Cartoon Grego.

24 e 25 de outubro
– Jacques Tardi, Dominique Grange (França) Putain de Guerre! nos Recreios da Amadora, Putain de Guerre! – A Guerra das Trincheiras, na Bedeteca da Amadora. O autor está nomeado para os Prémios Nacionais de Banda Desenhada 2015 com Foi assim a Guerra das Trincheiras, editada pela Levoir/Público.

31 de outubro e 1 de novembro
– Fernando Ruibal Piai (Galiza) Amadora Cartoon.
– Henrique Magalhães (Brasil) Lançamento Teu nome, Maria! Teu apelido, Lisboa (Polvo).
– André Diniz (Brasil) Lançamento Que Deus te abandone (Polvo).
– Horácio Altuna (Argentina) Exposição central A Criança na BD.

7 e 8 Novembro
– Reinhard Kleist (Alemanha) tem uma exposição no Festival dedicada ao álbum “O Pugilista” (Polvo) que é agora lançado em Portugal. O autor vai ainda fazer uma sessão de live drawing durante um dj set com temas de Nick Cave e Johnny Cash, no Musicbox.
– Felipe Alves (16 anos) e Tainara Meneses (15 anos) Exposição da Fundação da Casa Grande (Brasil). A Fundação é, literalmente, administrada por crianças e jovens: estas desenvolvem competências extraescolares artísticas, arqueológicas, comunicacionais, de gestão e empresariais, sem nunca esquecerem que são crianças e sempre, sempre, com a brincadeira como prioridade.
– Marcello Quintanilha (Brasil) Lançamento de Talco de Vidro (Polvo).
– Lindomar Sousa, Olímpio de Sousa, Tché Gourgel e João Mascarenhas a propósito o debate “Os 40 anos da BD angolana”, no âmbito dos 40 anos de independência de Angola.

Consulte o programa do festival aqui.