O primeiro dia da Comic Con Portugal 2015 fez lembrar um pouco o do primeiro dia do ano passado no que toca à afluência de público. Foi possível circular entre as diferentes áreas e pavilhões sem dificuldade.

A BD NO ARTISTS’ ALLEY

No Artists’ Alley, a circulação era extremamente fácil e foi possível trocar impressões com os autores de banda desenhada sem dificuldade, bem como folhear as publicações ou observar os prints, originais, stickers, pins e demais material que tinham para venda, havendo uma maior diversidade de oferta este ano. Tal também se verificou entre os ilustradores que não se dedicam à banda desenhada. Prevê-se que nos próximos 2 dias, com a maior afluência de visitantes, se torne menos fácil o que acabámos de descrever mas o Artists’ Alley é um dos locais que consideramos de visita obrigatória, pois é uma oportunidade única de contacto directo com os artistas, plenamente disponíveis para responder às questões dos visitantes, abundando a simpatia.

Para além de obras de BD recentes que já tínhamos noticiado, como Free Lance de Diogo Carvalho, O Clemente #1 de vários autores, os fanzines de Dor de CotoveloPatient EV-136 – Part 1: Rebirth de Maria João Lima e Patrik Caetano, Psicopatos 2 de Miguel Montenegro ou Double Helix and other stories de Miguel Montenegro e Al Ewing, encontramos muitas novidades, como:
Down Below – Sofia Neto (Mundo Fantasma)
A Humidade – Joana Afonso
A Energia – Joana Afonso
O Tempo – Joana Afonso
A Quinta – Joana Afonso
Insert Coin & Loading… – João Brandão & Nuno Sarabando
The Square World – Nuno Lourenço Rodrigues (El Pep)
Storie della Progenitrice – Alessandro Cremonesi & Ricardo Venâncio (Passenger Press)
Flowerflesh Chronicles – Tiago Araújo
os quais abordaremos brevemente no nosso espaço, bem como outras novidades que listaremos nos próximos dois dias.

AUDITÓRIO COMICS & LITERATURA
Das duas sessões realizadas hoje neste auditório, tivemos oportunidade de assistir à apresentação do autor galego José Domingo, que o bandasdesenhadas.com já tinha entrevistado. Domingo fez uma apresentação brilhante. Infelizmente, existiam poucos visitantes no auditório, a comprovar uma vez mais que sessões sobre banda desenhada no início da tarde de sexta-feira têm pouca afluência. O expositor Banda Deseñada tem 2 obras à venda deste autor – Conspiraciones e Pablo & Jane en la Dimensión de los Monstros. O livro Aventuras de un oficinista japonés não está disponível.

Quanto ao “auditório”, é desagradável a ausência de insonorização dos eventos circundantes, em especial se compararmos com a realização destas sessões no verdadeiro – na essência da palavra – auditório B do ano passado, mas tal não prejudicou a audição do convidado nem da moderadora.

AUTÓGRAFOS COMICS
Apesar de no programa entregue aos visitantes na entrada constarem os horários em que os autores estarão presentes para os autógrafos no espaço reservado para esse efeito, aconselhamos os visitantes interessados a estarem atentos, uma vez que por vezes estão presentes autores que não constam do programa, outras vezes não estão os anunciados e, por outro lado, os autores estão por vezes a realizar autógrafos nos expositores de editoras ou livreiros.

BD NA CASA DA ANIMAÇÃO
No Hall 5, perto das escadas rolantes (cf. mapa aqui), encontra-se o expositor da Casa da Animação, o qual tem várias publicações à venda, sendo algumas de banda desenhada, apesar de não existirem propriamente novidades.

No entanto, gostaríamos de sublinhar que algumas das publicações à venda estão esgotadas, sendo oportunidades únicas para adquiri-las. Como exemplo, está à venda o conjunto dos primeiros 7 números da série A Minha Vida Dava Um Filme, editada pela Ao Norte.

BD NO EXPOSITOR DA URBANOS
Um dos expositores que gostamos de visitar na Feira do Livro do Porto é o da Urbanos. Está presente na Comic Con Portugal 2015, oferecendo a revista Disney Gooolo Brasil 2014.

No entanto, a razão do destaque é que, além das revistas Disney da Goody e dos capas duras brasileiros da Marvel e da DC distribuídos nas livrarias nacionais, também lá se encontram capas duras da Panini de autores espanhóis, como 15M: Voces de una Revolución de Lara Fuentes & Patricio Clarey, Intachable: 30 Años de Corrupción de Víctor Santos, ou Diarios de Guerra de Enrique V. Vegas.

A BD e o SAPO
Henrique Valadas é o autor de Giant-Sapo 1 Especial Comic Con Portugal, uma BD de 7 páginas com a origem do SAPO, o serviço de apontadores portugueses que nasceu na Universidade de Aveiro. Esta publicação está a ser distribuída gratuitamente na Comic Con. Para ler o final, o leitor terá de utilizar o QR Code ou clicar aqui, sendo dirigido para a Sapo Mag.

Eis algumas imagens a título de curiosidade, captadas nos mais diversos locais do recinto. Ressalvamos que, ao contrário do primeiro dia, o segundo e terceiro dia serão alvo de uma vera fotorreportagem.

Outras Leituras