A editora Kingpin apresenta três novidades no seu já vasto catálogo editorial. Se, por um lado, contamos com uma nova versão a cores do “Super Pig: Roleta Nipónica”, por outro existe uma aposta em autores brasileiros com “Pétalas” de Gustavo Borges e Cris Peter, obra premiada nos Troféus HQ Mix 2016, e “A Sereia de Mongaguá” de Thiago Moraes Martins e Marcos Paulo Marques.

No caso de “A Sereia de Mongágua”, a banda desenhada foi adaptada por Mário Freitas para a norma europeia da língua portuguesa.

Como também vem sendo hábito da Kingpin, está disponível, além da edição portuguesa, a edição em inglês.

Fiquem com a informação da editora:

SUPER PIG: ROLETA NIPÓNICA

Mário Freitas (argumento)
Osvaldo Medina (desenhos)
Marta Lebre (cores)
10 de Outubro de 1978. Durante a cerimónia oficial de geminação de Aveiro com a cidade nipónica de Oita, o pequeno SUPER PIG é raptado por três empresários locais e usado como moeda de troca numa parceria criminosa com altos representantes da Yakuza da cidade japonesa. Receando pela vida do seu filho, o mui ilustre CALOUSTE PIG arrisca enfrentar sozinho a bizarra joint-venture mafiosa, mas vê-se envolvido numa espécie de roleta de contornos invulgares…

«Um jogo de ROLETA verdadeiramente bizarro e perigoso (…) Algo saído de um livro do Tintim, com influências de Manga e muita insanidade pelo meio.»

Capa dura, 16,9×25,9cm
48 páginas, cor.
PVP (c/IVA): 12,99EUR
ISBN (PT): 978-989-8673-26-8
ISBN (ENG): 978-989-8673-27-5

PÉTALAS

Gustavo Borges (argumento e desenhos)
Cris Peter (cores)
Durante um longo inverno, uma família de raposas luta para sobreviver ao frio. Uma das crias sai de casa à procura de lenha para aquecer a toca e depara-se com um estranho pássaro, alto e de cartola…

Capa dura, 19,5x27cm
48 páginas, cor
PVP (c/IVA): 12,99EUR
ISBN (igual, miolo do livro é o mesmo, só muda a capa): 978-989-8673-30-5

A SEREIA DE MONGAGUÁ

Thiago Moraes Martins (argumento e arte)
Marcos Paulo Marques (argumento)

Uma aspirante a actriz tem aulas de interpretação com um taxidermista…
…e o taxidermista procura inspiração invadindo a privacidade dos seus clientes.
Um cineasta em crise é submetido a um tratamento de hipnose burlesca.
E um vidente lê o futuro nas próprias tatuagens.
Tudo isto numa Mongaguá tão pitoresca que até tem uma sereia a sério. Pelo menos, é o que dizem por aí…

Capa dura, 16,5×23,5cm
80 páginas, cor
PVP (c/IVA): 14,99EUR
ISBN (PT): 978-989-8673-28-2
ISBN (ENG): 978-989-8673-29-9

nota: imagens cedidas pela editora.