IMAGINAÇÃO E EROTISMO NUMA METÁFORA SOBRE A DIGNIDADE HUMANA

A editora Arte de Autor lança uma das primeiras obras de Milo Manara. Editada originalmente nos anos 70, Lo scimmiotto encontrava-se inédita entre nós. O livro já se encontra disponível no site da editora e brevemente nas livrarias.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

Baseando-se em Jornada para o Oeste, um dos grandes textos clássicos da literatura chinesa, Silverio Pisu e Milo Manara  recriam nesta obra as aventuras do Rei Macaco, transformando-o simultaneamente numa aventura épica e numa referência  clara ao contexto sócio-político da China dos anos setenta.

Nascido da fecundação de uma rocha pelas  essências puras da terra, o Jovem Macaco, farto da idílica felicidade do seu reino, em breve abandona o seu povo em busca da imortalidade. Autoritário, sedutor e ambicioso, troça de deuses e de reis para atingir os seus objectivos.

Marco incontornável na história da banda desenhada, esta é uma das primeiras obras de Milo Manara.

Milo Manara nasceu em Itália em 1945 e é um dos grandes nomes da 9.ª Arte. Publicou a sua primeira banda desenhada quando estudava arquitectura em Veneza, a cidade de Hugo Pratt. É precisamente  com Pratt que acabaria por trabalhar em 1983 em Verão Índio e, mais tarde, em El Gaucho.
Assina a solo o argumento e o desenho de obras como a série Clic ou obras como O Perfume do Invisível, tendo igualmente colaborado com outros argumentistas, como aconteceu na série sobre os Borgia que desenvolveu em parceria com  Jodorowsky.
Manara trabalhou ainda para grandes editoras norte-americanas como a Marvel e a DC Comics.

O Rei Macaco
Silverio Pisu & Milo Manara
Edição: Capa Dura
Número de páginas: 88
Impressão: Preto e branco
Formato: 21×28,5 cm
ISBN: 978-989-99674-4-1
PVP: 19,95€

nota: imagens cedidas pela editora.