Como tínhamos referido, a Disney Comix despede-se do primeiro dígito da ordem das centenas com uma edição memorável. Neste número, a capa está reservada para uma banda desenhada muito especial, a adaptação de Francesco Artibani e Paolo Mottura do filme de ficção científica Metrópolis, realizado em 1928 por Fritz Lang.

Eis o vídeo do site italiano BadComics, com uma pequena análise comparativa entre o filme e a BD:

Se ficaram impressionados com os desenhos de Paolo Mottura – vencedor, em dezembro de 2016, de 3 Prémios do Júri dos Prémios BD Disney, promovidos pelo site Bandas Desenhadas, para Melhor Desenho Contemporâneo e Melhor Homenagem Contemporânea à Literatura, ambos por Moby Dick, e Melhor Homenagem Contemporânea ao Cinema, por Mickey e o Regresso à Dolce Vita, para além de 2 outras BD nomeadas – anuncia-se que uma exposição de originais de Metrópolis (Metopolis em italiano, graças ao trocadilho com topo, rato) estará patente no XIII Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja, estando o desenhador presente no primeiro fim-de-semana do festival, graças à colaboração do site Bandas Desenhadas com a organização do Festival.

Quanto à Disney Comix 199, apresenta ainda outros motivos de interesse. Como já tinha acontecido com os últimos números da Hiper Disney, este número da Comix apresenta também bandas desenhadas originárias de mais do que um país. Da Dinamarca, chega uma BD do Tio Patinhas muito especial, escrita por Thomas Schrøder e desenhada por Marco Rota, onde uma das personagens é… o autor norte-americano Don Rosa.

Para além de uma homenagem a Federico Fellini de Vincenzo Mollica e Giorgio Cavazzano (publicada a propósito da entrega do Óscar ao realizador italiano pela sua carreira), os leitores têm ainda na revista 2 BD desenhadas por dois prendados autores italianos, Francesco Guerrini e Alberto Lavoradori, respetivamente com Namorado telegénico (argumento de Giulio D’Antona) e Agentes fermentantes (argumento de Matteo Venerus), esta última incluindo uma piscadela de olho a Laurel & Hardy, duo conhecido no nosso país como Bucha e Estica.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

Chega mais uma Comix aos melhores quiosques e papelarias! Desta feita, temos em grande destaque uma homenagem a um clássico da 7ª arte, ao qual foi roubar o título e a inspiração: Metrópolis! Se nunca tiveste a oportunidade de ver esta obra-prima do realizador alemão Fritz Lang no cinema ou na TV, fica aqui mais uma hipótese de viveres a história de um dos primeiros filmes de ficção-científica de sempre! Aventura, drama e romance não vão faltar! Não percas!!! E que Comix seria esta se não tivesse os primos patos mais trapalhões de sempre?! Sabes que falamos do Donald e Peninha, certamente! E aqui vão estar na pele de agentes da P.I.A., numa história… deliciosa! Vais perceber tudo em Donald e Peninha – Agentes fermentantes! Estas e outras histórias aos quadradinhos na tua Comix de sempre!

Disney Comix #199
Autores: Alberto Lavoradori, Francesco Artibani, Francesco Guerrini, Giorgio Cavazzano, Giulio D’Antona, Marco Rota, Matteo Venerus, Paolo Mottura, Thomas Schrøder, Vincenzo Mollica
Editora: Goody
Páginas: 132
PVP: 1,90€

nota: imagens cedidas pela editora.