A mais recente coleção da Levoir com o diário Público é Y, O Último Homem, a banda desenhada de ficção científica pós-apocalíptica publicada pela DC na sua chancela Vertigo entre setembro de 2002 e março de 2008, ao longo de 60 comic books.

Escrita por Brian K. Vaughan e desenhada por Pia Guerra, contou ainda com a colaboração de Goran Sudžuka e Paul Chadwick. Foi arte-finalizada por José Marzán Jr. Apesar do fraco final da saga, a série foi galardoada com 3 Prémios Eisner.

Apesar dos infrutíferos planos, até ao momento, de adaptar a obra à cinema e/ou televisão, em 2011 teve direito a uma homenagem em Portugal, com a curta-metragem de ficção O Fim do Homem, realizada por Luís Lobo e Bruno Telésforo e produzida pela Universidade Lusófona, que estreou em concurso no festival de cinema Fantasporto.

Após a publicação dos primeiros 2 de 10 volumes (com 5 comic books por livro), é intenção da Levoir prosseguir com a coleção em 2018. É a primeira vez que a Levoir inicia uma coleção, em conjunto com o jornal Público, dedicada a uma série norte-americana específica, com a publicação de somente um quinto do total da obra, sem a completar de imediato.

Eis a informação da editora:

Mais um novo lançamento do selo VERTIGO em Portugal. “Y o Último Homem” : Volume 1- Um Mundo sem Homens” e o” volume 2- Ciclos”, inéditos em português, em edição de coleccionador. À venda nos próximos dias 19 e 26 de Outubro com o jornal Público por mais 12,90€ cada livro. É da autoria de Brian K. Vaughan e ilustrada por Pia Guerra e José Marzán Jr. 

“A melhor BD que alguma vez leu”- Stephen King

Quando em 2002 todas as criaturas com cromossoma Y morreram instantaneamente – sem qualquer explicação – a Terra mudou para sempre. A sociedade encontra-se à beira do colapso com o desaparecimento de mais de metade da população. As mulheres dominam o mundo, mesmo sabendo que não há salvação para a raça humana.