Já está disponível nas bancas o último volume da Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel, intitulado Demolidor – Marcado para morrer, com argumento de Roger McKenzie e arte de Frank Miller. Este volume é composto por 184 páginas e reúne os números 158-161 e 163-167 de Daredevil.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

“Com a missão de levar justiça às ruas de Hell’s  Kitchen, o Demolidor fez muitos inimigos. Agora, o herói cego tem a cabeça a prémio por uma cabala de criminosos — e toda a escória de Nova Iorque quer matá-lo! Contudo, de todos eles, nenhum é tão perigoso nem está tão determinado em eliminar o Homem sem Medo do que o assassino louco, o Mercenário.”

Os fãs poderão assistir ao nascer de uma lenda nas páginas deste volume, que reúne as primeiras histórias que Frank Miller desenhou para a revista do Demolidor, talvez o herói ao qual ele ficou mais associado na sua já longa carreira nos comics. Este conjunto de história lançou os alicerces para o que viria a seguir. É fascinante ver como, ao longo de apenas nove números, o estilo de Miller começa a evoluir. Ao trabalhar com os argumentos de Roger McKenzie, começa a experimentar novas formas de representar os sentidos apurados do herói, produzindo páginas com um realismo cru nunca visto nas aventuras do Demolidor. A revista estava a ponto de ser cancelada, mas a combinação de uma linha e direcção novas para os argumentos, estabelecidas por McKenzie – que viria a lançar as bases das sagas que Miller mais tarde escreveria quando já estava à frente dos destinos do Homem sem Medo a solo – e da arte inovadora de Miller, transformariam Daredevil num dos títulos de maior sucesso da Marvel na altura. Duas das histórias são exemplares a esse título, o #163, em que o demolidor enfrenta o Hulk, uma das lutas mais improváveis dos comics, e a outra, no #164, um mergulho na história pessoal do herói que inauguraria quase uma nova maneira de contar histórias de super-heróis.

Estas são as páginas em que um herói secundário da Marvel se transformou numa lenda, e começou a percorrer o longo caminho que a seu tempo o levaria à Netflix numa das séries de TV de maior sucesso da Marvel.