Foi em 2013 que a editora brasileira Veneta editou a obra de banda desenhada Parafusos, zumbis e monstros do espaço, do autor Juscelino Neco. Entretanto, o autor paraibano apercebeu-se da existência de uma real epidemia no mundo real, os livros para colorir destinados a adultos. E, em 2015, a Veneta editaria Zumbis para Colorir, obra que tem sido editada em países tão diferentes como a China e a Finlândia. Em Portugal, a edição é da chancela Polvo da Rui Brito edições.

A edição portuguesa, Zombies para Colorir, foi publicada em novembro mas teve o seu lançamento oficial na Comic Con Portugal 2015. Entretanto, este mês, começou a ser distribuída nas livrarias.

Além dos desenhos para serem pintados, com muitas homenagens à cultura popular, a obra conta ainda com pequenas narrativas sobre as personagens, indicando-nos por exemplo que ninguém se apercebeu do novo visual de Izzy quando este foi contaminado, que Lívia finalmente conseguiu pesar os sonhados 39 quilos ou que Robson, que tinha abandonado tudo para se dedicar ao cultivo de amoras silvestres e colocar as leituras em dia, não passou da página 15 de Ulisses.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:
Bem-vindo ao fascinante mundo dos zombies. Divertimento garantido com uma grande variedade de mortos-vivos, ilustrados com profusão de detalhes. Campeões de luta-livre, astronautas, mafiosos, escritores e estrelas de rock, ninguém escapa à epidemia. E agora podes dar-lhes vida, com cores vibrantes ou tons pastel. Embarca nesta aventura e solta a imaginação com os “Zombies Para Colorir”.

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.