Hoje é publicado nos EUA o comic book Wonder Woman #52, desenhado por Miguel Mendonça para a DC Comics.  A banda desenhada, escrita por Meredith Finch, intitula-se In the name of love.

Trata-se do último volume da série, coincidindo com o final da iniciativa Os Novos 52 na editora. O novo relançamento da DC Comics intitula-se DC Rebirth e inicia-se o dia 25 de maio, tendo como objetivo reintroduzir conceitos da continuidade pré-saga Flashpoint que foram perdidos com Os Novos 52, embora incorporando numerosos elementos de Os Novos 52. Não se trata de uma mistura entre as continuidades pós-Crise nas Terras Infinitas e Os Novos 52, uma vez que, segundo Geoff Johns, podem ser utilizados quaisquer conceitos publicados desde o primeiro número de Action Comics de 1938. Outra das características de DC Rebirth é a alteração da periodicidade de diversas séries de mensal para quinzenal, bem como a alteração do logótipo da editora.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão, comparando os lápis de Mendonça com as páginas finais, após o trabalho da restante equipa devidamente creditada na primeira página:

Eis a sinopse da editora:
Hecate’s true motivations are revealed and Wonder Woman’s dream of a happy ending is called into question by the Amazon warrior herself. You can’t afford to miss the epic conclusion of the quest to save baby Zeke and the Olympians!

nota: imagens gentilmente cedidas pelo autor.

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.