O anime mais visto em Portugal na plataforma Crunchyroll em 2018 foi Boruto: Naruto Next Generations.

A plataforma Crunchyroll divulgou os animes mais vistos em cada país em 2018. Em Portugal, a animação mais visualizada foi a série Boruto: Naruto Next Generations. Trata-se de uma adaptação do manga homónimo, escrito por Ukyō Kodachi e ilustrado por Mikio Ikemoto.

Inédito no nosso país, este shonen publicado pela Shueisha na revista Weekly Shonen Jump desde 9 de maio de 2016, foi compilado até ao momento em 6 volumes. Boruto é um spin-off e sequela de Naruto de Masashi Kishimoto, centrada no filho de Naruto Uzumaki, Boruto Uzumaki, e a sua equipa de ninjas.

A série de animação foi realizada por Noriyuki Abe e produzida pelo estúdio japonês Pierrot, começando a ser transmitida na TV Tokyo a 5 de abril de 2017. Ao contrário do manga, cujo início reconta o filme Boruto: Naruto the Movie, realizado em 2015 por Hiroyuki Yamashita, o início da série televisiva é uma prequela, passada antes de Boruto e os seus amigos se tornarem ninjas.

Boruto teve origem numa proposta da Shueisha a Kishimoto para que este produzisse uma sequela de Naruto. Kishimoto contrapropôs que fosse o seu antigo assistente Mikio Ikemoto a desenhá-la, tendo o guionista do filme de Boruto, Ukyō Kodachi, criado o argumento. Quanto ao anime, este tem a supervisão de Kodachi e de Kishimoto.

A lista completa dos animes mais visualizados nos diferentes países onde a Crunchyroll está disponível é a seguinte:

  • My Hero Academia
  • Boruto: Naruto Next Generations
  • Black Clover
  • Darling in the Franxx
  • Hanebado!
  • Citrus
  • Dragon Ball Super
  • One Piece
  • Death March to the Parallel World Rhapsody
  • Megalobox
  • The Ancient Magus’ Bride
  • Cells at Work
  • Idolish7
  • Ninja Girl and Samurai Master

Registe-se, contudo, que a eventual comparação de preferências entre os diferentes países não é possível, uma vez que os licenciamentos variam de região para região. Por exemplo, entre os 5 animes mais visualizados na Europa na plataforma Crunchyroll, não estão disponíveis nem My Hero Academia nem Dragon Ball Super em Portugal por razões contratuais.

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.