O quarto volume da série de banda desenhada Homem-Cão de Dav Pilkey.

Sem dúvida, os personagens Capitão Cuecas, George Beard e Harold Hutchins ganharam um novo grau de popularidade a nível mundial aquando da adaptação dos livros ilustrados para a animação. Após a estreia cinematográfica de Capitão Cuecas: O Filme em 2017, a DreamWorks iniciou a produção de uma série de animação, cujas temporadas estão disponíveis no nosso país na Netflix.

A saga do Capitão Cuecas, da autoria de Dav Pilkey, um novo clássico da literatura infanto-juvenil, profusamente ilustrado, foi publicada pela Gradiva no nosso país. Inclusivamente, esta editora, para além dos 12 volumes da série original, publicou também a maioria dos seus spin-offsO Extracrocante Livro de Passatempos do Capitão Cuecas 1 e O Novo Extracrocante Livro de Passatempos do Capitão Cuecas 2, para além dos anunciados passatempos no título, também contêm bandas desenhadas, para além de flip-o-ramas, autocolantes e diversas atividades.

Atendendo a que os protagonistas George e Harold escrevem e desenham bandas desenhadas, não será de admirar que alguns dos spin-offs sejam em BD, constando inclusivamente com frequência os nomes destes personagens na autoria desses volumes. A Gradiva publicou As Aventuras do Super-Bebé Fraldinha e As Aventuras de Bonk e Cronk, Homens das Cavernas do Kung-Futuro. Foram as duas primeiras graphic novels das personagens George Beard e Harold Hutchins. Trata-se, portanto, de dois livros de banda desenhada, protagonizados por personagens “criados” pelos protagonistas da série Capitão Cuecas. Desta fase, somente se encontra inédita em Portugal a segunda graphic novel do Super-Bebé Fraldinha.

Outra série de graphic novels de George e Harold é o Homem-Cão, cujo 8.º volume está agendado para ser editado nos EUA em dezembro deste ano. Aliás, em O Capitão Cuecas e a sensacional saga do Sr. Fedorovky, o último volume da saga original, é possível ler um pouco dos comic books do Homem-Cão publicados 20 anos no futuro, na qual o autor satiriza as (aparentes) mortes e a facilidade com que os mascarados se podem fazer passar uns pelos outros na banda desenhada de super-heróis. Foi a chancela Marcador da Editorial Presença que publicou os primeiros 2 volumes de Homem- Cão em novembro de 2017, seguido do 3.º volume em outubro de 2018.

Em agosto de 2019, a Marcador editou o 4.º volume, de seu título Homem-Cão e o Supergatinho (Dog Man and Cat Kid, no original). George e Harold, no 5.º ano, divertiram-se tanto a ler A Leste do Paraíso de John Steinbeck que tal lhes deu o mote para a 4.ª graphic novel de Homem-Cão. Este volume é a continuação direta do anterior, que tinha introduzido o Pequeno Petey, um personagem que automaticamente se tornou um dos mais importantes da série.

Neste quarto volume, a série, que entretanto já tinha adquirido o ganha o seu próprio ritmo, continua a fazer a ponte com muitos dos elementos que popularizaram a série original e que são tanto do agrado das crianças, para além da própria banda desenhada: gadgets e invenções, o piscar de olho à BD do subgénero dos super-heróis, violência cartoonesca q.b., flip-o-oramas (animações cíclicas com base em desenhos presentes em 2 páginas, geradas pelo virar para frente e para trás de uma folha) e, claro, o humor, frequentemente repleto de nonsense, para gáudio dos leitores.

Eis a sinopse da editora:

O Homem-Cão, o mais novo herói de Dav Pilkey, criador do Capitão Cuecas, está de volta – e desta vez vem acompanhado!
O heróico cão com um verdadeiro faro para a justiça dispõe agora de um ajudante felino peludo e juntos vão ter um mistério para farejar! Quando uma nova ama chega e uma estrela de cinema glamorosa desaparece, cabe ao Homem-Cão e ao Supergatinho salvarem o dia!
Irão os nossos heróis manter-se na pista certa ou irá Petey, o gato mais malvado do mundo, despistá-los?

Dav Pilkey
Criou as suas primeiras histórias aos quadradinhos quando andava na escola primária. Em 1997, escreveu e ilustrou o seu primeiro livro para crianças, As Aventuras do Capitão Cuecas, que obteve críticas entusiásticas e foi de imediato um grande êxito de vendas – tal como os três livros seguintes da mesma série.
Dav escreveu vários outros livros ilustrados que receberam prémios, incluindo The Paperboy e a série Dumb Bunnies. Vive com o seu cão em Portland, Oregon.

Homem- Cão vol. 4: Homem-Cão e o Supergatinho
Dav Pilkey
Editora: Marcador
Páginas: 256, a cores
Encadernação: capa mole
Dimensões: 140 x 210 mm
ISBN: 9789897544101
PVP: 13,90€

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.