A nova coleção da Salvat é a reedição da série Astérix.

Astérix: Coleção Integral é a nova série da Salvat, cuja distribuição já se iniciou nos pontos de venda de periódicos. Ao contrário das últimas duas coleções da Salvat distribuídas em Portugal, esta série regressa à norma europeia da língua portuguesa, ao invés da norma brasileira.

Relembre-se que quando a Asa adquiriu os direitos da publicação da série no nosso país em 2005, passou a traduzir de diferente forma o nome de alguns personagens, de modo a aproximá-los mais dos nomes originais. Estas traduções são as que constam da série da Salvat.

Curiosamente, trata-se de uma série que vai de encontro ao público-alvo habitual noutros países deste tipo de modelo de séries distribuídas nos pontos de venda de periódicos. Apela ao leitor mais generalista que não se interessa tanto por banda desenhada ao ponto de já ter adquirido individualmente tais livros, bem como ao colecionador que deseja adquirir as bandas desenhadas que já possuía, desta feita numa compilação de edições com uma encadernação de qualidade e uma quantidade apreciável de extras exclusivos, tendo em conta a comercialização por um preço que não afaste os clientes dos quiosques.

A verdade é que em Portugal, ao invés da reedição sob formato colectável, editoras como a Levoir, Salvat, Planeta DeAgostini e outras têm apostado frequentemente em material inédito para ser comercializado nos pontos de venda de periódicos, o que traduz um mau indicador sobre a edição de BD estrangeira disponibilizada nas últimas décadas exclusivamente nas livrarias em Portugal, inclusivamente com obras fundamentais da banda desenhada a nunca terem sido editadas previamente a essas séries essencialmente dirigidas às bancas.

No entanto, não é esse o caso de Astérix ou não fosse a série de BD bestseller por excelência no nosso país. Recorde-se que a própria Asa já tinha publicado, entre outubro de 2013 e fevereiro de 2014, uma série destinada às bancas, em capa mole, distribuída com o Público, com uma seleção de 16 álbuns e intitulada Astérix à Volta do Mundo. Previamente, em 2009, a própria Salvat tinha editado uma série dedicada ao pequeno gaulês, com o título Astérix: A Colecção.

Tendo esta série do Astérix vindo a ser comercializada em diversos países ao longo dos últimos anos, os leitores atentos reparam certamente num pormenor importante. Apesar de se batizar de Coleção Integral (sê-lo-ia na altura da primeira edição), os 2 últimos álbuns de banda desenhada de Astérix (Astérix e a Transitálica e A Filha de Vercingétorix) encontram-se ausentes.

Por outro lado, apesar da coleção da Salvat contar com dois livros ilustrados extras à série oficial, exclui outros álbuns semelhantes.

Importante também será referir para os habituais leitores das coleções da Salvat que o papel, apesar da boa gramagem, não é brilhante, ao invés das demais coleções da editora.

Sem grande explicação para uma série “integral” é o facto da publicação não seguir a ordem cronológica da publicação original dos álbuns, a qual parece nesta série ser aleatória, obrigando os colecionadores a manterem tal desordem se desejarem manter a ilustração da lombada conforme foi concebida.

Eis a listagem dos livros, com o ano original da publicação em álbum (relembre-se que as primeiras BD eram pré-publicadas em diversos números da revista Pilote antes da sua compilação):

  1. Astérix e Latraviata (2001, vol. 31)
  2. Astérix na Hispânia (1969, vol. 14)
  3. Astérix entre os Pictos (2013, vol. 35)
  4. Astérix o Gaulês (1961, vol. 1)
  5. Astérix e o regresso dos gauleses (1993, vol. 32)
  6. Astérix e os normandos (1966, vol. 9)
  7. O papiro de César (2015, vol. 36)
  8. O filho de Astérix (1983, vol. 27)
  9. O presente de César (1974, vol. 21)
  10. O aniversário de Astérix e Obélix (2009, vol. 34)
  11. A foice de oiro (1962, vol. 2)
  12. Astérix legionário (1967, vol. 10)
  13. Astérix entre os belgas (1979, vol. 24)
  14. O céu cai-lhe em cima da cabeça (2005, vol. 33)
  15. Astérix nos Jogos Olímpicos (1968, vol. 12)
  16. Astérix entres os helvécios (1970, vol. 16)
  17. Astérix gladiador (1964, vol. 4)
  18. Astérix entre os bretões (1966, vol. 8)
  19. O pesadelo de Obélix (1996, vol. 30)
  20. Astérix e Cleópatra (1965, vol. 6)
  21. O escudo de Arverne (1968, vol. 11)
  22. A volta à Gália (1965, vol. 5)
  23. A rosa e o gládio (1991, vol. 29)
  24. Astérix e os Godos (1963, vol. 3)
  25. A grande travessia (1975, vol. 22)
  26. O combate dos chefes (1966, vol. 7)
  27. Astérix e o caldeirão (1969, vol. 13)
  28. A zaragata (1970, vol. 15)
  29. O grande fosso (1980, vol. 25)
  30. Obélix e Companhia (1976, vol. 23)
  31. A odisseia de Astérix (1981, vol. 26)
  32. Astérix na Córsega (1973, vol. 20)
  33. O domínio dos Deuses (1971, vol. 17)
  34. As 1001 horas de Astérix (1987, vol. 28)
  35. Os louros de César (1972, vol. 18)
  36. O adivinho (1972, vol. 19)
  37. Os 12 trabalhos de Astérix (2016, livro ilustrado não numerado)
  38. Como Obélix caiu no caldeirão do druida quando era pequeno (1989, livro ilustrado não numerado)

Quanto ao material extra em cada volume, ocupa um considerável número de páginas. Após as 44 páginas de BD, existe um dossier com 18 páginas, com diversos artigos devidamente ilustrados (que necessitariam de um maior cuidado na revisão de texto), bem como algumas ilustrações e pranchas, frequentemente a lápis.

Como é habitual, os assinantes da série têm direito a algumas ofertas exclusivas. Neste caso, recebem uma caneca (com o 2.º livro), um suporte para livros da Cleópatra (8.º livro) e um suporte para livros de César (15.º livro).

Eis o vídeo com o anúncio televisivo da série:

Eis a sinopse da editora:

Uma coleção com as aventuras do irredutível gaulês e os segredos da sua criação!
A coleção Astérix reúne livros desta banda desenhada e uma coletânea de documentos excecionais, com a história e o contexto de cada aventura da famosa aldeia gaulesa.
Artigos únicos sobre a conceção e a criação de cada aventura, editados especificamente para esta coleção.
Nesta edição exclusiva, Éditions Albert René, Albert Uderzo e Anne Goscinny, filha de René Goscinny, partilham os seus próprios arquivos fotográficos, esboços, notas e acervos documentais e gráficos que inspiraram os criadores de Astérix. Cada livro faz desta obra uma coleção de referência, tanto pela qualidade do conteúdo como pela diversidade dos materiais reproduzidos.
Livros de 64 páginas, de capa dura, com conteúdos inéditos compilados para esta edição exclusiva de colecionador. A coleção é quinzenal. A duração da coleção é de 19 meses.
A primeira entrega tem um preço promocional de 2,99 € e a segunda entrega tem o valor de 5,99€. Do Nº 3 até ao final da coleção cada entrega fica em 10,99€. O preço total da coleção é de 404,62€.

René Goscinny (Paris, 1926-1977)

Humorista e argumentista francês de banda desenhada. Com dois anos, mudou-se com a família para a Argentina. Em 1945, foi para Nova Iorque onde, a partir de 1949, entrou em contacto com inúmeros ilustradores. Em 1950, foi para Bruxelas, cidade onde o editor Georges Troisfontaines o nomeou, um ano mais tarde, diretor da sucursal da editora em Paris. Juntamente com Albert Uderzo, Goscinny trabalhou em diversas criações, abandonando a sua faceta de ilustrador e dedicando-se à escrita de argumentos. O grande êxito chegou a partir da criação da revista Pilote, na qual, a 29 de outubro de 1959, apareceu uma personagem singular chamada Astérix, criada por ele e por Albert Uderzo.

Albert Uderzo (Fismes, 1927)

É um ilustrador e argumentista francês. Entrou muito cedo no mundo da banda desenhada como empregado de uma editora, o que lhe permitiu aprender técnicas de edição e publicar as suas primeiras páginas. Em colaboração com René Goscinny, criou João Pistolão e Luc Junior. Alguns anos depois, no semanário Pilote, apareceria uma das suas criações mais famosas: Astérix, com argumento do seu amigo Goscinny. Outra das suas produções notáveis, em colaboração com Charlier, foi Tanguy e Laverdure. É considerado um dos autores mais importantes de banda desenhada.

O futuro da aldeia gaulesa:
Com a morte precoce de Goscinny e alguns albuns a solo de Uderzo, as Éditions Albert René A. Uderzo e Anne Goscinny decidem entregar as chaves da porta da aldeia gaulesa a novos argumentistas e ilustradores. Após três anos de trabalho, em 2013 é publicado o álbum Astérix entre os Pictos, com texto de Jean-Yves Ferri e desenhos de Didier Conrad, ambos nascidos em 1959, o mesmo ano em que nasceu o pequeno gaulês. Este duo criativo já produziu 4 álbuns, 2 dos quais presentes nesta coleção.

Astérix: Coleção Integral
René Goscinny, Albert Uderzo, Jean-Yves Ferri, Didier Conrad
Editora: Editorial Salvat, S. L. (España)
Volumes: 38
Páginas: a cores
Encadernação: capa dura
PVP: 404,62€ (vol. 1: 2,99€ | vol. 2: 5,99€ | vol. 3-38: 10,99€)

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.