Dust, o décimo e último volume da 2.ª série da Colecção Blueberry da Asa com o Público.

O décimo e último livro da segunda série da Colecção Blueberry da Asa distribuída em conjunto com o jornal PúblicoDust, corresponde ao vigésimo oitavo álbum da série francófona, publicado nesse formato em 2005 no mercado franco-belga. Trata-se do quinto tomo do ciclo Mister Blueberry, o quinto álbum a solo de Giraud na série principal após o falecimento do cocriador Charlier.

Em Portugal, a banda desenhada Dust tinha sido publicada em álbum pela própria Asa em 2006.

Eis a sinopse da editora:

Durante o tiroteio em OK Corral, Blueberry salva Dorée Malone do assassino Johnny Ringo. Este consegue escapar, mas é morto mais tarde por Blueberry. Entretanto, a história contada por este a Campbell é revelada; preso no Forte Mescalero com Gerónimo e o seus homens, Blueberry é libertado e visita, com a professora Caroline Younger, um orfanato onde ele sabe existirem crianças índias retidas. Uma delas, a quem chama “Dust”, vem a ser Natché, filho de Gerónimo. Blueberry ajuda este último a fugir com o filho e os seus camaradas e, durante a fuga, o reverendo Younger, director do orfanato, atinge a filha por acidente. Antes de morrer, Caroline acusa Gerónimo, dando assim cobertura a seu pai e a Blueberry, que seis meses depois é enviado para o Forte Navajo.

Jean Giraud nasceu em Nogent-sur-Marne (França) em maio de 1938. Entra para a Escola de Artes Aplicadas de Paris em 1954, assinando no ano seguinte algumas ilustrações na revista Fiction. Entre 1956 e 1958 publica as suas primeiras bandas desenhadas em Far-WestSitting BullFripounet et MarisetteÂmes VaillantesCouers Vaillants, etc. Conhece Jijé em 1958, com quem colabora três anos mais tarde num episódio de Jerry Spring.
A sua criação mais conhecida é Blueberry (argumento de Jean-Michel Charlier), que surgem em 1963 na revista Pilote. Narra as aventuras de Mike Blueberry, um oficial do exército americano, e constitui um dos mais consagrados westerns da banda desenhada mundial.
Em 1969, cria o seu alter ego Moebius, responsável pelas incursões no universo da ficção científica e da fantasia, sobretudo a partir de 1973. A sua colaboração com Alexandro Jodorowsky, cujo carisma e universo pessoal influenciam vivamente o artista francês, data de 1978. O Incal: Uma Aventura de John Difool (1980), A Louca do Sacré-Couer (1992) e Depois do Incal (2000) são algumas das criações comuns. Giraud-Mobieus participa também em diversos projetos cinematográficos, como o nunca realizado Duna de Jodorowsky ou O Quinto Elemento de Luc Besson.
Depois da morte de Charlier, em 1989, retoma sozinho as aventuras de Blueberry.
Jean Giraud morre em Paris a 10 de março de 2017, com 74 anos de idade.

Colecção Bluberry (II) vol. 10: Dust
Jean Giraud
Editora: Asa
Páginas: 72, a cores
Encadernação: capa mole
Dimensões: 215 x 290 mm
PVP: 7,90€

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.