O início da reedição da série clássica.

A nova série da Levoir em distribuição com o periódico Público é a Colecção Watchmen. Composta por 10 volumes, é, segundo a editora, assim constituída:

  • Volumes 1 a 4: Watchmen (de Alan Moore e Dave Gibbons);
  • Volume 5: DC Universe: Rebirth (de Johns, Frank, Van Sciver, Reis, Jimenez, Prado, Santorelli, Andersen, Wright, Hi-Fi, Eltaeb) e The Button parte 1 e 2 (de Joshua Williamson, Tom King, Jason Fabok e Howard Porter);
  • Volume 6: The Button parte 3 e 4, e Doomsday clock 1 (de Geoff Johns e Gary Frank)
  • Volumes 7 a 10: Doomsday clock 2 a 12.

É verdade que a Levoir parece ter abraçado uma política de reedições. A republicação de Joker (publicado inicialmente na série Super-Heróis DC Comics em 2014, com o Público), de O Regresso do Cavaleiro das Trevas (publicado pela primeira vez na série Batman: 75 Anos em 2015, com o semanário SOL) e Batman: Ano Um (idem) permitiram, de acordo com a editora, que estas obras tornassem a estar disponíveis ao público, visto que, ao fim de 5 anos, entre o período de vendas exclusivo dos pontos de venda de periódicos e plataformas online da editoras e periódicos, seguido da distribuição no canal livreiro e posteriores promoções ao longo dos anos, as mesmas se encontravam esgotadas.

Se é também uma forma da editora capitalizar sobre algum do seu trabalho já realizado (tradução, legendagem, revisão e algumas das tarefas de pré-impressão), o facto das reedições ocorrerem não associadas a uma coleção em conjunto com um jornal e apresentarem uma menor tiragem, tem contribuído para, ao invés da editora conseguir disponibilizar a obra a um preço mais económico, encarecer a mesma. Deste modo, num espaço de 5 anos, a 2.ª edição de Joker apresenta um preço de 19,90€ (ao invés da edição anterior, a 8,90€), O Regresso do Cavaleiro das Trevas um preço de 25,90€ (ao invés de 17,80€ pelo conjunto dos 2 volumes anteriores) e Batman: Ano Um um preço de 19,90€ (ao invés de 8,90€ na edição anterior).

Tendo editado a obra Watchmen num volume único há 3 anos e meio, seria expectável que houvesse uma redução de preço semelhante ao aumento verificado nas 3 situações inversas supramencionadas, ao reeditá-la agora numa série com o Público. No entanto, o leitor desengane-se quanto a essa possibilidade. O valor que a edição conheceu em livro único (39,90€) é sobreponível ao preço da obra dividida agora por 4 volumes (39,60€).

Nas redes sociais da editora, às queixas dos leitores sobre incluírem a obra clássica Watchmen nos primeiros 4 volumes desta coleção – dado já a terem editado em livro único há 3 anos e meio, – ao invés de optarem pela prequela inédita no nosso país Before Watchmen (8 minisséries, 1 one-shot e 1 história inédita, reunidas em 4 volumes no mercado norte-americano) -, foi respondido que a obra em livro único se encontrava esgotada. No entanto, a política da editora quanto à conceção da série não foi a de separar os 4 volumes iniciais, como algo opcional para os colecionadores que ainda não tivessem lido Watchmen, da restante série. Pelo contrário, a lombada dos 10 volumes apresenta o título da obra em toda a sua extensão, bem como uma imagem dos seus protagonistas:

Obviamente que, no final, independentemente das técnicas de marketing utilizadas, cabe a cada leitor a decisão de adquirir (novamente) ou não os 4 volumes iniciais. Aqueles que não o fizerem e possuam o livro único da Levoir obterão um efeito nas lombadas semelhante ao seguinte:

Esta série é distribuída aos sábados, com o primeiro volume a chegar aos pontos de venda de periódicos no dia 15 de fevereiro e o último no dia 18 de abril, com um preço unitário de 9,90€, reunindo cada livro o diminuto número de 3 comic books originais.

Relembre-se que a série original Watchmen (os primeiros 4 volumes desta coleção) consta do nosso projeto Leitura Recomendada. Watchmen tem lugar numa realidade alternativa na qual a existência de super-heróis norte-americanos mudou o curso da História, tendo os EUA ganho a Guerra do Vietname, sendo Nixon ainda presidente e estando a Guerra Fria no seu auge. Quando um herói aposentado morre, os seus anteriores colegas começam a levantar uma série de questões, que os leva não só ao descobrimento de uma conspiração major mas também a traumas pessoais e mentes desequilibradas, ao longo de uma narrativa não-linear que alterna entre a década de 60 e 80 e se entrelaça com uma aterrorizante banda desenhada de piratas. É considerada uma das 3 obras-primas de banda desenhada norte-americana publicadas em 1986. Em 1988, a obra foi galardoada com o Hugo Award. Em 2005, foi incluída na lista All-Time 100 Greatest Novels da Time Magazine, sendo a única BD a constar da mesma.

O primeiro volume, intitulado Quem Guarda os Guardiões?, compila os #1-3 da série original de Alan Moore e Dave Gibbons.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

Nos anos 80, a DC Comics publicou uma série de banda desenhada que muitos consideram ser a melhor história de super-heróis de todos os tempos: Watchmen, de Alan Moore e Dave Gibbons. Foi um dos livros de banda desenhada mais vendidos de sempre, gerou um filme e uma série de TV, e influenciou de forma decisiva os comics americanos.
Watchmen é uma saga que segue duas gerações de super-heróis desde o pós-Guerra aos anos oitenta e à Guerra Fria, num mundo muito semelhante ao nosso, mas que caminha impiedosamente para um conflito nuclear final. Um mundo em que o simples homicídio de um antigo super-herói vai desencadear uma investigação que irá levar os heróis a questionar a linha ténue que separa o Bem do Mal, ao mesmo tempo que o próprio conceito de super-herói é dissecado de maneira impiedosa.

Colecção Watchmen vol. 1: Quem Guarda os Guardiões?
Alan Moore & Dave Gibbons
Editora: Levoir
Páginas: 112, cores
Encadernação: capa dura
Dimensões: 175 x 263 mm
ISBN: 9789896828431
PVP: 9,90€

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.