O oitavo livro de Dylan Dog editado em Portugal.

A cooperativa editorial A Seita publicou na sua coleção Aleph (inaugurada na G. Floy) o quinto volume de Dylan Dog. Trata-se de Após um Longo Silêncio (Dopo un lungo silenzio, no original), da autoria de Tiziano Sclavi e Giampiero Casertano, editado originalmente em Itália no número 362 da série mensal Dylan Dog, em novembro de 2016.

Para os leitores interessados em acompanhar o percurso editorial nacional deste personagem criado em 1986 por Sclavi e Claudio Villa, a verdade é que as suas versões cinematográficas chegaram primeiro ao nosso país – o proxy Dellamorte Dellamore (traduzido como O Homem do Cemitério) de Michele Soavi estreou no Fantasporto em 1996 e o filme Dylan Dog: Guardião da Noite de Kevin Munroe estreou nas salas de cinema nacionais em 2011.

Na verdade, a publicação de Dylan Dog foi inclusivamente antecedida em 2015 pela sátira disneyana Dylan Rat e a Ascensão dos Ratos Chatos, publicada na Disney Comics #134.

Se é um facto que os leitores portugueses puderam tomar contacto com o personagem através das revistas brasileiras do personagem distribuídas nos pontos de venda de periódicos em Portugal, somente em 2017 se iniciou a aventura editorial de Dylan Dog no nosso país.

Em 2017, a Levoir editaria a primeira BD deste personagem em Portugal, incluída na sua 3.ª série Novela Gráfica em 2017, Mater Morbi.

Menos de um ano volvido, Dylan Dog foi pela segunda vez editado em Portugal, desta feita com A Saga de Johnny Freak (Colecção Bonelli vol. 3, Levoir), que incluiu a BD clássica do personagem publicado no #81 da sua série mensal, a qual inaugurou a série que a editora brasileira Conrad dedicou a Dylan Dog. O livro foi complementado pela sequela publicada no #127, um inédito em língua portuguesa. Seguiu-se o volume 10 da referida coleção, com o título Os Inquilinos Arcanos, onde se apresentavam 3 BD curtas, incluindo a que deu nome ao volume e A Grande Nevada e Bailando com um Desconhecido.

Após a experiência resultante na trilogia de livros lançados na Levoir, seguiram-se duas obras editadas pela G. Floy, que inauguraram a Colecção Aleph, a qual se definia como uma série da editora dedicada à BD europeia mas, na realidade, pressuponha o estabelecimento de uma nova parceria da editora após aquela realizada com a ComicHeart de Bruno Caetano. Para além de José Freitas, esta nova coleção contava com João Miguel Lameiras (fã confesso do personagem e grande impulsionador da sua anterior edição na Levoir) e Mário João Marques (nosso antigo colaborado do portal BDesenhadas.com e atualmente reconhecido pelo trabalho desenvolvido no Clube Tex Portugal) enquanto editores. Nesta fase, foram editados os volumes O Velho que Lê (onde também constava a BD curta “A Pequena Biblioteca de Babel”) e Até que a Morte vos Separe.

Em junho de 2019, o catálogo com as publicações de autores portugueses e bonellianas já editadas pela G. Floy transitou para a cooperativa A Seita – da qual Freitas e anteriores parceiros desses projetos são membros -, sendo esta cooperativa quem prossegue com essas edições.

Deste modo, A Seita editou o seu primeiro livro de Dylan Dog em outubro de 2019, intitulado Trevas Profundas.

Paralelamente, Dylan Dog também já foi alvo de duas exposições em território nacional. Primeiro, na exposição comissariada pelo site Bandas Desenhadas no XIV Festival Internacional de BD de Beja, a propósito da presença de Fabio Celoni em Portugal, tendo o autor regressado o ano passado ao Coimbra BD 2019 com uma nova exposição.

Este mês, A Seita editou mais dois álbuns de Dylan Dog, O Imenso Adeus e Após um Longo Silêncio. Disponibilizados ao público durante o evento Coimbra BD 2020 (para o qual estava planeada a presença do ilustrador Ambrosini, cancelada devido à pandemia de COVID-19), está prevista a distribuição dos mesmos no canal livreiro a 18 de março.

Clique nas imagens de Após um Longo Silêncio para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

Uma história de amor e de fantasmas irá arrastar o herói para uma espiral de auto-reflexão, ao mesmo tempo que o seu mais novo amor, bem terreno, o leva de volta ao abismo do alcoolismo.
O seu mais recente cliente é um homem assombrado (ou não) pelo fantasma e pela memória da esposa que o deixou prematuramente. Um pesado fardo que deixará marcas nestes dois homens.

Dylan Dog: Após um Longo Silêncio
Tiziano Sclavi & Giampiero Casertano
Editora: A Seita
Páginas: 104, a preto e branco
Encadernação: capa dura
Dimensões: 17 x 23 cm
ISBN: 9789895457496
PVP: 12,50€

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.