O Prix Jeunesse ACBD 2020.

A ACBD – Associação dos Críticos e jornalistas de Banda Desenhada francesa, galardoou a obra Le Roi des Oiseaux, publicada pela Gallimard, com o seu quarto Prémio Juventude ACBD. Trata-se de um conto inspirado no folclore russo, sendo a sua autoria de Alexander Utkin.

Segundo a ACBD, Le Roi des Oiseaux é uma trepidante fábula de animais, misturando elementos do folclore russo com cenas de ação magníficas. Uma história construída à moda das matrioscas e soberbamente desenhada com uma linha que lembra o pastel. O seu ponto de partida, uma maçã de ouro (e de discórdia), gera uma guerra animal. De seguida, embarcamos, com um comerciante russo, numa viagem vertiginosa. Um álbum (muito) recomendável para leitores jovens e menos jovens.

A ACBD destaca ainda as restantes 4 obras finalistas:

  • Sous les arbres T2: Le Frisson de l’hiver – Dav (De la Gouttière)
  • Superman écrase le Klan – Yang Gene Luen Yang & Gurihiru (Urban Kids)
  • Les Vacances de Nor – Maria Surducan & Ileana Surducan (Les Aventuriers de l’Étrange)
  • Wooly, la guerre des voisins – Benjamin Gérard & Olivier Tichit (Clair de Lune)

Como é frequente com as seleções da Associação dos jornalistas e Críticos de Banda Desenhada francesa, nenhuma das obras contempladas conhece edição portuguesa, seja o vencedor, sejam os outros quatro finalistas que recomenda.

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.