Humor no confinamento.

No dia 30 de novembro, foi publicada a obra Gente confinada é outra coisa, da autoria de Zépestana, uma reflexão humorística sobre os primeiros 6 meses de epidemia de COVID-10 em Portugal. Esta obra das Edições Ex-Libris foi lançada via a sua chancela Sítio do Livro.

O livro compila as tiras de BD publicadas entre março e setembro na página do Facebook da tira Os Grisalhos, subintitulada Doçuras e Agruras da Terceira Idade, da autoria de Zépestana, sendo complementada com alguns textos explicativos para contextualizar os acontecimentos vividos ou presenciadospara as gerações futuras, como a famosa corrida ao papel higiénico.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

Não por acaso, pandemia e pandemónio são palavras que, em época de distanciamento, não podiam estar mais próximas. De facto, a COVID-19 veio impor comportamentos nunca antes observados, virou do avesso o nosso quotidiano, revolveu hábitos sedimentados e deixou em pantanas todo um modo de vida que dávamos por garantido e estabilizado.
É disso que trata este livrinho, colectânea de cartoons publicados, entre Março e Setembro de 2020, na página de Facebook Os Grisalhos (Doçuras e Agruras da Terceira Idade). O autor teve por objectivo, que só o leitor avaliará se foi bem-sucedido, desafiar a ideia reinante de que estes tempos não estão para graças.
Quando chegar ao fim do livro, não esqueça aquilo que deve fazer com as mãos: aplaudir, primeiro, e lavá-las, depois, que as recomendações das autoridades sanitárias são para levar a sério.

José Pestana abriu a pestana, pela primeira vez, a meio do século passado, onde é que isso já vai… E não, não foi na maternidade Alfredo da Costa, mas no aconchego da casa materna, como era então de uso corrente. Nos seus verdes anos, publicou regularmente cartoons (que ninguém conhecia ainda por este nome), em diversos jornais e revistas da época, com destaque para o Diário de Lisboa, A Capital, O Século, o Comércio do Funchal e a Vida Mundial, entre outros. Cursou Direito e a subsequente vida profissional arredou-o, anos a fio, da colaboração assídua com a imprensa. Agora jubilado, a reforma devolveu-o à prancheta, aos lápis, aos pincéis e aos desenhos de humor, porque persiste teimosamente em acreditar que um dia sem sorrir (ou fazer sorrir) é um dia desperdiçado.

Gente (con)fina(da) é outra coisa
Zépestana
Editora: Sítio do Livro
Páginas: 40, a preto e branco
Encadernação: capa mole
Dimensões: 210 x 148 mm
ISBN: 9789899028081
PVP: 9,00€

SOBRE O AUTOR |

Rodrigo Ramos
Rodrigo RamosAdministrador
É administrador do site. Licenciado em Informática, agrega no Bandas Desenhadas dois mundos que adora - a web e a banda desenhada.