De Jesus a uma Igreja Imperial.

O catálogo da editora parisiense Éditions des Arènes (denominada Les Arènes entre 1997 e 2017) é relativamente pequeno no que toca à banda desenhada, quando comparado com as principais editoras de BD franco-belga.

A primeira obra originalmente editada pela Les Arènes que conheceu edição em Portugal foi História do Sexo: História da Sexualidade Ocidental em BD de Philippe Brenot e Laetitia Coryn, sob a mão da Gradiva em 2017. Nunca mais foi publicada nenhuma obra de BD das Les Arènes no nosso país até agosto de 2021, mês em que duas editoras nacionais distintas lançam duas obras de Les Arénes. Se no início do mês a Verbo lançou Francisco de Arnaud Delalande, Yvon Bertorello e Laurent Bidot, a Gradiva lança agora o primeiro volume da série O Império – De Jesus a uma Igreja Imperial, da autoria de Olivier Bonineau e Pascal Magnat.

Esta história política do Cristianismo teve direito à publicação de 2 volumes, até ao momento, no mercado francófono. A Génese, o primeiro livro, foi originalmente publicada em França em 12 de novembro de 2015. Quanto ao segundo volume, subintitulado Sodome et Gomorrhe (XIIIe-XVIe siècle), foi lançado em 5 de setembro de 2018.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

A primeira grande história política da igreja católica em banda desenhada. Magnificamente ilustrada, plena de humor e com uma abordagem isenta e crítica, O Império é o resultado de vinte anos de trabalho científico e académico de Olivier Bobineau, reconhecido investigador do  “Groupe Sociétés, Religions, Laïcités” da Sorbonne e do CNRS (Centre National de la Recherche Scientifique).
O Império é a primeira história política em banda desenhada da mais antiga instituição do mundo: a Igreja. Como é que a mensagem original de amor e tolerância do Jesus do Evangelho pôde inspirar simultaneamente as guerras religiosas e os mosteiros admiráveis que acolhiam os peregrinos, os pobres e os doentes; as Cruzadas sanguinárias e Francisco de Assis, que falava com os pássaros; o horror da Inquisição e o nascimento da universidade; a decadência dos papas Bórgias e os frescos de Miguel Ângelo? Durante estes dois mil anos de história política, a Igreja e os papas transformaram e moldaram a nossa sociedade e cultura política. Algumas decisões de soberanos pontífices tomadas da Idade Média ou certas abordagens filosóficas e espirituais nascidas há mais de 1500 anos continuam em vigor e estruturam as nossas instituições políticas sem que o saibamos!

Olivier Bobineau é um investigador de renome, membro do laboratório de investigação Groupe Sociétés, Religions, Laicités da Sorbonne e do Centre National de la Recherche Scientifique.

Pascal Magnat nasceu na região de Paris. Estudou na Escola Superior de Artes Aplicadas de Duperré. Trabalhou em várias agências de comunicação como director artístico, antes de se tornar ilustrador freelanceMad in China (Glénay, 2013) foi o primeiro álbum que ilustrou. Seguiu-se a série O Império (Les Arènes). Entretanto, ilustrou o álbum L’Incroyable histoire du Canard enchaîné (Les Arènes, 2016).

O Império – De Jesus a uma Igreja Imperial vol. 1: A Génese
Olivier Bobineau, Pascal Magnat
Editora: Gradiva
Páginas: 176, a cores
Encadernação: capa dura
Dimensões: 28,8 x 21 cm
ISBN: 978-989-785-006-6
PVP: 15,00€

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.