O 11.º livro da coleção Imagens que Contam.

A Pato Lógico tem duas coleções nas quais edita obras de banda desenhada muda (i.e., sem texto), a Desconcertinas com os desdobráveis de André Letria e a Imagens que Contam. Esta última surgiu em 2013 como um espaço de liberdade criativa para artistas visuais, em que cada convidado é desafiado a imaginar uma narrativa contada exclusivamente através de imagens. No seu conjunto, a coleção conta com dois primeiros prémios e três menções especiais do Prémio Nacional de Ilustração, bem como 3 entradas na nossa Leitura Recomendada da década de 2010.

Mudar, da autoria de Ana Ventura, é o décimo primeiro livro da coleção, seguindo-se a obras de Marta Monteiro (Sombras), André da Loba (Bestial), Catarina Sobral (Vazio), Afonso Cruz (Capital), Bernardo P. Carvalho (Verdade?!), João Fazenda (Dança), Teresa Cortez (Balbúrdia), Jaime Ferraz (Máquina), Susa Monteiro (Sonho) e Nani Brunini (Discórdia).

Segundo Ana Ventura, “Mudar coincide com a minha experiência pessoal de sair de Portugal e ir para a Bélgica. A ideia para a história surgiu quando, numa tarde de Outono ao atravessar o parque da cidade em Antuérpia, apanhei uma folha do chão. Pensei: «Está a mudar de cor, está a adaptar-se a uma nova realidade». Para representar esta mudança, recorri à utilização de duas cores, o amarelo e o azul. Mudar fala de alguém que, por qualquer razão, decide partir, ir para um território desconhecido à procura de uma vida melhor. Sair da zona de conforto, escolher o que levar, o que deixar, as incertezas, o entusiasmo da aventura, a reacção dos que ficam e dos que nos recebem são coisas que fazem parte dum processo complexo de adaptação.  Este livro é uma metáfora sobre os dias de hoje em que todos nós, seja pela aventura, pelo trabalho, pela religião, pela guerra, por amor, pela família, pela curiosidade, viajamos, circulamos, mudamos e nos misturamos pelo mundo fora.   As ilustrações foram inspiradas em locais, casas, lojas, plantas, amigos e familiares que vou conhecendo.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

Fazer a mala e partir pode ser um desafio. Sobretudo para quem parte por necessidade, como acontece com a personagem que protagoniza Mudar, de Ana Ventura, uma narrativa visual sobre o que se perde e o que se pode ganhar quando a única solução é rumar ao desconhecido. Nos caminhos percorridos neste livro, as cores funcionam como códigos: são símbolos que situam personagens e lhes conferem identidade. Quando tudo enfim se contamina, está garantida a partilha, está conquistado um novo lugar: uma casa tem sempre de ser construída. 

Ana Ventura nasceu em Lisboa, em 1972. É licenciada em Pintura pela Escola Superior de Belas Artes de Lisboa. A sua linguagem criativa rapidamente se amplia e se concretiza de forma multifacetada: ilustradora e artista plástica. Encontramos a sua marca nos mais diversos suportes, desde livros, de serigrafias, dos postais à roupa e acessórios. Expõe individual e coletivamente em Portugal e no estrangeiro desde 1996, sendo o seu projeto mais internacional a assinatura personalizada dos ténis All Star, aquando do centenário da Converse, em 2008. Ilustrou livros para editoras em Itália, Noruega e Portugal. Vive e trabalha entre Lisboa e Antuérpia.

Mudar
Ana Ventura
Editora: Pato Lógico
Páginas: 40, cores
Encadernação: capa dura
Dimensões: 195 × 250 mm
ISBN: 978-989-99658-3-6
13,50€

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.