BD² – Base de Dados de Banda Desenhada

Bartolomé Seguí

Nascimento: 28 de maio de 1962
Naturalidade: Palma de Maiorca, Espanha

Ainda adolescente, publicou a sua primeira BD na revista Senda del Cómic (Nedisa), em 1979. Na década de 1980, estudou pintura em Barcelona, enquanto publicou BD em revistas como Cómix International, Metropol, Madriz e El Vibora. O seu primeiro álbum de BD surgiu em 1989. De seu título A Salto de Mata (Complot), compila BD curtas do detetive Simón Feijoo previamente publicadas em revistas. Foi também em 1989 que começou a sua carreira enquanto ilustrador de livros infantojuvenis.

Quanto à banda desenhada, seguiu-se em 1990 o álbum Lola y Ernesto (La Cúpula), que também reunia a BD homónima previamente publicada em revistas. Outros álbuns deste período são Luigi Es Luis (Milán, 1991) ou Locus de Barna (El Pregonero, 1996).

Em 1998, regressou a Maiorca. Em conjunto com Sonia Delgado, dedicou-se à edição de revistas de BD, primeiro a Rifi Rafe, um suplemento semanal do diário Última Hora (1998-2000) e, a partir de 2000, a Esquitx.

Para a editora Ponent, produziu mais dois álbuns de Simón Feijoo, Cohibas Connection (2001) e ¿Coca o Ensaimada? (2003), o primeiro dos quais escrito por Carles Santamaría. Com El sueño de México (Ponent, 2004), com argumento de Ramón de España, foi publicado pela primeira vez no mercado francófono através da editora Paquet. Foi também em 2004 que iniciou a tira diária Vuits I Nous, com argumento de Ferran Aguiló no jornal Última Hora.

As Serpentes Cegas (BD Banda, 2008), com argumento de Felipe Hernández Cava, foi galardoada com os Prémios de Melhor Obra e Melhor Argumento no 27.º Salão internacional de BD de Barcelona e os IX Prémios da Crítica na categoria de Melhor Obra e Melhor Argumento no Premio Nacional del Cómic. Com o mesmo argumentista, produziu para a Norma o díptico Hágase el Caos (2011-2012) e Las Oscuras Manos del Olvido (2014).

Entretanto, com Gabi Beltrán, tinha produzido o álbum Histórias do Bairro (2011) para a Astiberri, que continuaria com um segundo álbum em 2014 e seriam reunidos num único livro em 2016.

Em 2017, com argumento de Hernám Migoya, iniciou a série Carvalho (Norma), na qual são adaptados para BD os romances de Pepe Carvalho, escritos por Manuel Vázques Montalbán.

Obras publicadas em Portugal

One-shots

Séries

  • Carvalho
    • vol. 1: Tatuagem – Levoir, 2018
    • vol. 2: A Solidão do Executivo – Levoir, 2020
  • Histórias do Bairro
    • edição integral – Levoir, 2017

Início | Autores | Editoras Nacionais | Editoras Originais | Séries de BD

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.