Setembro de 1936 – Janeiro de 1939.

A Ala dos Livros prossegue a edição da série Mattéo, da autoria de Jean-Pierre Gibrat, com a edição do quinto volume. Recorda-se que, no nosso país, a Vitamina BD tinha editado os dois primeiros álbuns da série em 2009 e 2011. Desde 2020, a Ala dos Livros continuou a série a partir do 3.º volume, ao ritmo de um tomo por ano, sendo este mês lançado com o quinto volume.

Com Quinta Época (Setembro de 1936 – Janeiro de 1939), encontram-se publicados em Portugal todos os volumes de Mattéo que foram produzidos até ao momento no mercado francês.

Quanto aos leitores que nos têm interrogado se a Ala dos Livros irá ou não reeditar os primeiros dois tomos, relembramos as palavras da editora, “A nossa prioridade é a publicação dos livros inéditos“, tinha revelado ao nosso site Ricardo M. Pereira, aquando da publicação do 3.º volume. “Tanto quanto sabemos, a série está prevista para 6 volumes. Depois da publicação dos inéditos, decidiremos se se justifica ou não a reedição dos dois primeiros tomos.

Quanto ao quinto volume, já escrevemos sobre o mesmo nas Melhores LeR em abril de 2022.

Clique nas imagens para as visualizar em toda a sua extensão:

Eis a sinopse da editora:

Em Alcetia, Espanha, instalado em casa do maior latifundiário da região, Mattéo parece disposto a tudo para libertar Amélie, a quem os nacionalistas haviam capturado. Entretanto, e à medida que a Guerra Civil Espanhola caminha, de forma dramática, para o seu fim, o inimigo ganha terreno, estando cada vez mais próximo da posição ocupada por Mattéo e pelos seus companheiros. Conseguirá Mattéo regressar a Collioure? A que preço?

Jean-Pierre Gibrat nasceu em Paris em abril de 1954. Depois de ter estudado grafismo publicitário e artes plásticas, inicia-se na banda desenhada em 1977, desenhando várias histórias curtas para a revista “Pilote”, as quais, em 1980, seriam compiladas no álbum Visions Futées (que conta com argumento de Éric Simonet, Jackie Berroyer e J. P. Gibrat). Em 1978, edita Le petit Goudard, uma série com argumento de Jackie Berroyer que mais tarde será compilada pela Dargaud em cinco álbuns. Paralelamente, Gibrat publica outros trabalhos em publicações como o “Le Nouvel Observateur”, “L´Événement”, “Science et Avenir” e as revistas infantis “Je Bouquine” e “Okapi”. Para esta última, realiza Médecins Sans Frontières, com argumento de Gui Vidal e Dominique Leguillier. A partir dos anos 90, a obra de Gibrat regista uma tendência mais adulta, incluindo-se nesta fase as obras Pinocchia (1995, com argumento de Francis Leroi ) e Maré Baixa (1996, com argumento de Daniel Pecqueur). Com a publicação de Destino Adiado (1997) e de O Voo do Corvo (2002), Jean-Pierre Gibrat passa a assinar o argumento das suas próprias histórias, o que volta a suceder na série Mattéo.

Para mais pormenores, ver o vídeo:

Para subscreveres o canal DOC DOC TV, clica aqui.

Mattéo: Quinta Época (Setembro de 1936 – Janeiro de 1939)
Jean-Pierre Gibrat
Editora: Ala dos Livros
Páginas: 64, a cores
Encadernação: capa dura
Dimensões: 235 x 310 mm
ISBN: 978-989-53039-3-9
PVP: 21,00€

SOBRE O AUTOR |

Nuno Pereira de Sousa
Nuno Pereira de SousaAdministrador
Fundador e administrador do site, com formação em banda desenhada. Consultor editorial freelance e autor de livros e artigos em diferentes publicações.