Crónicas do Tempo e do Espaço – Volume I

Crónicas do Tempo e do Espaço – Volume I

crónicas do tempo e do espaço vol. 1

Crónicas do Tempo e do Espaço – volume I expande o universo dado a conhecer com Uluru.

Crónicas do Tempo e do Espaço – volume I faz parte da tese de doutoramento de Marco Fraga da Silva, a qual procura desenvolver um modelo para a criação e implementação de franchises transmedia em Portugal a partir da publicação de diversas obras que integram um universo ficcional expandido.

Após o lançamento da banda desenhada Crónicas do Tempo e do Espaço – Uluru, obra nomeada na categoria de Melhor Argumento Nacional na 4.ª edição dos Prémios Bandas Desenhadas, surge agora uma coletânea de bandas desenhadas curtas, Crónicas do Tempo e do Espaço – volume I, escritas por Marco Fraga da Silva e ilustradas por Rafael Antunes, Luís de Sousa, Tché Gourgel, Maria Costa, Miguel Santos, Nietzsche Pop, Miguel García, Diogo Alves, Ana Lopes e Filipe Duarte.

Este livro foi lançado no XVIII Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja, incluindo, para além das bandas desenhadas, ilustrações a cores de Rafael Antunes, Filipe Duarte, Filipe Abranches, Sérgio Santos, Véte, Matthieu Pereira, Luís de Sousa, João Monteiro e Fil, existindo ainda uma concept art de Vasco Mariano. Quanto à capa é da autoria de Rafael Antunes.

As narrativas, escritas por Marco Fraga da Silva, sequenciadas de acordo com a cronologia diegética, foram produzidas por autores de três continentes: “A Festa”, de Rafael Antunes; “As Mantas da Princesa Alice”, de Luís de Sousa; “Patinhas e Barbatanas”, de Tché Gourgel; “O Jogo”, de Maria Costa; “A Biblioteca de Gutenberg”, de Luís de Sousa; “Lua Oca”, ilustração de Miguel Santos e cor de Raq’s Rodrigues; “Vidália – Primeira Parte”, de Nietzsche Pop; “Mulheres do Monte” e “Povo Alma: Mito da Criação”, de Miguel García; “A Lição”, de Diogo Alves; “Crónicas da Terra”, ilustração de Ana Lopes e cor de Raq’s Rodrigues; “Uluru-Kata”, de Filipe Duarte.

O autor espera poder publicar um segundo volume nos próximos anos, continuando a desenvolver e a expandir o universo narrativo das “Crónicas do Tempo e do Espaço”.

Marco Fraga da Silva, natural da ilha do Faial, estudou design gráfico (licenciatura) e cinema (mestrado). Em Beja, desenvolveu o gosto pela arte sequencial da banda desenhada e criou um concurso internacional de BD para os países de língua portuguesa. É vice-presidente da Associação Tentáculo e tem vindo a desenvolver projetos na área da banda desenhada. Atualmente, é aluno de doutoramento em Arte dos Media na Universidade Lusófona.

Crónicas do Tempo e do Espaço – volume I
MARCOS FRAGA DA SILVA et al.
Editora: Associação Tentáculo
Páginas: 120, a cores
Encadernação: capa mole com badanas
Dimensões: 148 x 210 mm
PVP: 12,00€

Deixa um comentário